fbpx

Chi Kung

chikung

Originou-se na China antiga, possuindo uma intima ligação com a cultura oriental, principalmente o Taoísmo e o Budismo. Teve como a própria cultura chinesa seus períodos de prosperidade e declínio cultural.

Existem inúmeras obras antigas que citaram a prática do Chi King. Estima-se que foi o precursor da Medicina Tradicional Chinesa e existe há cerca de 4.000 anos.

O Chi Kung é uma das preciosas riquezas culturais chinesa. Hoje está sendo amplamente aplicado na China, na Medicina Preventiva e curativa, para o desenvolvimento da inteligência, nas artes (dança, música, etc.) e para o desenvolvimento interior (auto-conheci-mento, sabedoria). Nos últimos anos tem crescido o interesse por Chi Kung fora da China, passando a ser objeto de estudo nas instituições de estudos avançados de medicina dos Estados Unidos, Japão, Canadá e Suíça.

Com a pratica regular é um auxiliar do tratamento da pressão alta, stress, etc.; nas escolas são utilizados para melhorar o aproveitamento intelectual dos alunos; nas fábricas para aumentar a produtividade e melhorar o senso de coletividade dos operários.

O que significa Chi Kung?

Chi

Na China Antiga Chi (Tchi, Qi, Ki) era uma concepção filosófica, significando a Energia Pura da qual provém toda a manifestação do universo. Ela é uma daquelas palavras mágicas que não tem um palavra equivalente em nosso idioma.
Traduzindo de forma simplista Chi significa, alento, sopro ou energia e possui 3 fontes principais: Respiração, Alimentação e Essência.

Respiração: O ar é o veiculo do Chi, através de exercícios respiratórios específicos, podemos melhorar a nossa quantidade e qualidade de energia.

Alimentação: Tudo o que é ingerido transforma-se em Chi e circula pelo nosso corpo através do sangue. Essa energia também vai juntar-se com a nossa Essência e melhorar sua qualidade.

Essência: É divida em duas partes a que herdamos de nossos ancestrais e a que adquirimos durante a nossa vida. A primeira esta ligada a nossa constituição (forte ou fraca) não podendo ser reposta.
Através dos exercícios de Chi Kung, podemos melhorar qualitativamente estas energias: absorvendo conscientemente a Energia pura da natureza e eliminando Energia estagnada que é a causa de muitas doenças.

Kung

Significa treino, disciplina, e as qualidades obtidas através de treinamento e/ou estudos que exija um esforço real durante um período suficiente de tempo para atingir: sabedoria, auto-conhecimento, etc.

Chi Kung

O significado específico do Chi Kung: É um método que com base no antigo conceito da vida como um todo e com o uso da consciência, visa mobilizar e aplicar o “fluxo energético” no campo magnético, assim a alma e o corpo encontrar-se-ão altamente harmoniosos. É uma forma terapêutica da Medicina Tradicional Chinesa.

Efeitos do Chi Kung

Por que o Chi Kung pode curar doenças, fortalecer o corpo, desenvolver a inteligência e prolongar a vida?
Nos últimos anos, os cientistas chineses observaram os mecanismos operacionais da terapia Chi Kung coma ajuda de aparelhos e detectando as alterações bioquímicas e fisiológicas nos praticantes comprovando o efeito especifico de Terapia Chi Kung.

1- Efeito sobre o sistema nervoso central SNC
Com o uso de eletro encefalograma, observaram mudanças nas correntes bioelétricas cerebral do praticante; a conclusão é que Chi Kung pode elevar a capacidade de utilização do córtex cerebral. Possuindo efeito em determinado grau de proteção contra fatores negativos (principalmente os externos, como mudança climáticas # frio, calor, umidade, alteração emocional, surpresa, susto, medo, raiva que quando interiorizados causam efeitos prejudiciais.

2- Efeitos sobre o sistema nervoso autônomo SNA
Chi Kung pode aumentar a excitação do sistema parassimpático (ou vago) e baixar a excitação do sistema simpático, o que demonstra sua capacidade de regular a função do sistema neuro-vegetativo.

3- Efeitos sobre o sistema cárdio-vascular
a) Diminuição em determinado grau do ritmo cardíaco.
b) Influência sobre o tônus dos vasos sangüíneos; proporcionando aumento da circulação periférica, aumentando os movimentos de dilatação e contração dos vasos sangüíneos.
c) Influência sobre a pressão sangüínea; regularização. Quem possui pressão alta, esta abaixa e vice-versa.

4- Efeitos sobre os componentes do sangue
Aumentando o número de glóbulos vermelhos e do número de glóbulos brancos, elevando a eficiência da fagocidade dos leucócitos, o que mostra que Chi Kung pode elevar a eficiência imunológica.

5- Efeito sobre o sistema respiratório
a) Ocorre a diminuição da freqüência e aumento da amplitude do movimento do diafragma.
b) Melhora da função de ventilação do pulmão
c) Os praticantes do Chi Kung, com rapidez têm melhora do metabolismo de troca gasosa (O2/CO2) dos pulmões.

6- Efeito sobre o sistema digestivo
a) Há influência sobre a peristalse gástrica. Com fotografia raio x, vê-se o aumento do grau de peristalse gástrica e aceleração.
b) Influência sobre o suco digestivo: aumentando da secreção de saliva, suco gástrico e bile.

7- Efeito sobre o sistema de secreção interna
O nível das catecolaminas diminui (adrenalina e noradrenalina)

8- Efeito sobre os índices de imunidade
Existem experiências com pacientes portadores de câncer e algumas doenças contagiosas que curaram-se com o treino intensivo de Chi Kung (cerca de 6 horas diária)

As experiências mencionadas acima demonstram que Chi King pode aumentar o grau de relaxamento, eliminar a tensão, elevar a função cerebral, a capacidade de memorização, concentração, melhora o sistema nervoso, digestivo, cardiovascular e locomotor.

A prática do Chi Kung pode equilibrar o apetite, melhorar o sono, afastar a fadiga, fortalecer a imunidade, a força física e os recursos mentais. Exercendo efeito eficaz sobre o rendimento no trabalho e da resistência do corpo. O processo de envelhecimento do corpo é retardado, tornando o ser humano mais são, inteligente e longevo.